Euroinka: Intercâmbio oferece 180 bolsas em 15 áreas

0

Estão abertas as inscrições para o intercâmbio acadêmico através do Projeto Euroinka. Ao todo, 180 bolsas para estudantes de graduação, mestrado, doutorado e pós-doutorado, em cerca de 15 áreas serão ofertadas. No Brasil, somente estudantes, servidores e técnicos administrativos da Universidade Estadual do Piauí (UESPI) e Universidade Estadual Paulista (UNESP), em São Paulo, poderão concorrer às vagas. A proposta é que estudantes latino-americanos ingressem em universidades da Europa e vice-versa.

O Projeto Euroinka é realizado através do Programa Erasmus Mundus e financiado pela Comissão Europeia. O objetivo do programa é promover o ensino superior de qualidade nos 28 países que formam a União Europeia, em parceria com países terceiros através da Agência Executiva de Educação, Audiovisual e Cultura da Comissão Europeia (EACEA). O Euroinka promove uma parceria entre a EACEA e vinte instituições de ensino superior da América Latina e Europa.

“Além de ampliar a visão cultural que se tem daquele país, o estudante intercambista ainda ampliará suas visões acadêmicas e de mercado de trabalho. Ele torna-se mais independente na busca pelo conhecimento”, garantiu a diretora do Departamento de Relações Internacionais da UESPI, professora Maria Aldelita Franca Holanda. As bolsas duram de um mês a 3 anos, entre todas as modalidades.

Para se inscrever, o candidato deve preencher um formulário online, disposto no link. É necessário anexar ao formulário uma cópia digital dos seguintes documentos: RG, passaporte, histórico acadêmico, diploma (para candidatos graduados), declaração de honra do requerente (disponível no site para download), entre outras declarações emitidas pela universidade. Caso o candidato enquadre-se, é necessário ainda anexar documentos que comprovem deficiência física, situação econômica vulnerável e situação de refugiado.

Os candidatos deverão também preparar um projeto de educação/formação descrevendo os objetivos, atividades e plano de trabalho. A estudante Letícia Gonzaga, do sétimo período do curso de Comunicação Social do campus Torquato Neto, elaborou um projeto de implantação de uma rádio universitária e foi selecionada. Morando na província de Galiza, na Espanha, desde o mês de outubro de 2015, Letícia conta, empolgada, que está estudando Comunicação Audiovisual na Universidade de Vigo. “Aqui tem uns voluntários que nas primeiras semanas ajudam os alunos estrangeiros com alojamento, auxiliam a fazer as matrículas e saber dos horários, entre outras coisas. Então aqui você não está sozinho”, disse Letícia.

“As inscrições encerram-se no dia 7 de fevereiro de 2016 e o resultado final dos selecionados é divulgado aproximadamente um mês após o encerramento das inscrições no próprio site do projeto. É necessário que o aluno acompanhe sempre o site para não perder nenhuma etapa importante”, alertou Patrícia Gasparini, coordenadora de projetos da assessoria internacional da UNESP, instituição responsável pela coordenação do programa de intercâmbio na América Latina.

Fonte: UESPI

Share.

Deixe seu comentário